PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO

Sabemos que as orações se conectam, se ligam através das conjunções. Hoje veremos as orações que estão ligadas pelas conjunções coordenativas, formando o período composto por coordenação. Vejamos então!

PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO

Já vimos que o período pode ser classificado em composto por coordenação e composto por subordinação.

O período será composto por coordenação, quando formado por orações coordenadas, e terá tantas orações quantos verbos apresentar.

Orações coordenadas são aquelas que têm um sentido próprio, independente, estando apenas colocadas uma ao lado da outra, dentro do período.

Exemplos:

“O céu era verde sobre o gramado/, a água era dourada sob as pontes/, outros elementos eram azuis, róseos, alaranjados/, o guarda civil sorria/, passavam bicicletas.” –

Neste período coordenado, observamos cinco orações: três com o verbo SER, uma com o verbo SORRIR e a última com o verbo PASSAR.

Não gostava de estudar, não lia um livro. – Duas orações: verbo GOSTAR e verbo LER.

Toquei a campainha, bati na porta, gritei, mas ninguém respondeu. – Quatro orações: verbos TOCAR, BATER, GRITAR e RESPONDER.

Outro exemplo: Cheguei no clube, nadei, joguei, fiz gol.

As orações coordenadas podem ser assindéticas ou sindéticas . A assindética não precisa de conectivo para ligar-se à outra; a sindética é a oração que se liga a outra por meio de conectivo. No exemplo “Toquei a campainha, bati na porta, gritei, mas ninguém respondeu”, temos as três primeiras orações assindéticas e a última oração coordenada sindética adversativa (conjunção MAS adversativa) ligada a oração anterior pelo conectivo.

As orações coordenadas sindéticas são classificadas através da conjunção coordenativa que as inicia. Dessa maneira teremos a seguinte classificação:

Oração coordenada sindética aditiva.

Exemplos:

Bati na porta aflita, e ninguém atendeu. (e = conjunção aditiva)

Chegamos à piscina e nadamos

Oração coordenada sindética adversativa.

Exemplos:

Era uma menina inteligente, porém tinha sérios problemas afetivos. (porém = conjunção adversativa)

Eles queriam sair, porém estava chovendo.

Oração coordenada sindética alternativa.

Exemplos:

Era tão instável que ora estava de bom humor, ora estava quebrando tudo. (ora = conjunção alternativa)

Ora gosta de vestidos, ora gosta de sapatos.

Oração coordenada sindética conclusiva.

Exemplos:

Gastei todo o dinheiro, logo não pude pagar o aluguel. (logo = conjunção conclusiva)

São adolescentes, logo irão namorar.

Oração coordenada sindética explicativa.

Exemplos:

É preciso estudar, pois do contrário não passará de ano. (pois: conjunção explicativa)

Descemos do carro porque o trânsito estava parado.