VOZES VERBAIS

VOZES DO VERBO

Nesta aula de hoje veremos as vozes do verbo. Denominamos assim quando a forma que o verbo assume em relação ao sujeito, indicando se a ação verbal é executada pelo sujeito ou se ele é o paciente, ou seja, está sofrendo a ação verbal.

Em sua “Novíssima Gramática da Língua Portuguesa”, o professor Domingos Paschoal Cegalla afirma que a voz do verbo é a forma que este assume para indicar que a ação verbal é praticada ou sofrida pelo sujeito.

Como é de seu conhecimento o verbo é a classe gramatical que mais apresenta flexões, como tempo, modo, pessoa, número e voz. Nosso foco é o estudo das vozes verbais. E são elas: voz ativa, voz passiva e voz reflexiva.

Voz Ativa – é quando o sujeito da oração pratica a ação verbal

Exemplos: Nós fizemos a tarefa completa – nós é sujeito que está fazendo a ação verbal. Dizemos então que o verbo está na voz ativa.

Ele fará o trabalho que pedimos – ele é o sujeito praticando a ação verbal. Verbo na voz ativa

O repórter leu a nova notícia – sujeito repórter fazendo, praticando a ação verbal – verbo na voz ativa.

Voz passiva – é aquela em que o sujeito recebe ou sofre a ação do verbo.

Exemplos: a nova notícia foi lida pelo repórter – sujeito nova notícia sofrendo a ação de ler, verbo na voz passiva, e o repórter é o agente da passiva.

Observação: a voz passiva pode se apresentar de duas maneiras: passiva analítica e passiva sintética.

A voz passiva analítica é aquela que se apresenta com o verbo ser + o verbo principal no particípio. O livro foi comprado pelo aluno.

Exemplos: A minha casa será reformada por você – voz passiva analítica

A fazenda foi cercada pelos posseiros – voz passiva analítica

A sua rua ficou interditada pelos guardas – voz passiva analítica

A feira será iniciada à tarde – voz passiva analítica

A voz passiva sintética, também chamada de pronominal, se apresenta com o verbo na terceira pessoa e mais o pronome SE, que é chamado de pronome apassivador.

Exemplos: abriram-se as inscrições – voz passiva sintética

Praticou-se toda sorte de erros – voz passiva sintética

Cumprir-se-á a profecia – voz passiva sintética

Voz Reflexiva

A voz reflexiva acontece quando o sujeito da oração pratica e sofre ao mesmo tempo a ação do verbo. Dizemos então que o sujeito é agente e paciente ao mesmo tempo.

Exemplos: O professor machucou-se – voz reflexiva

A menina linda vestiu-se como queria – voz reflexiva

O caçador feriu-se